domingo, 4 de dezembro de 2011

Crocodillos de esgoto



À meia noite,
eles vão voltar,
invadirão a cidade,
vão nos matar!

despercebidos
atacarão,
tão repelidos,
retornarão!

crocodilos de esgoto,
uma praga assassina,
farão a chacina
por cada quarteirão!

nas ruas incautos,
das cidades imundas,
se arrastam em asfaltos,
agora sujos de sangue...

o terror habita
as mentes humanas,
as carolas profanas,
civis e soldados,
que o mal se repita!
estão todos condenados,
padres e políticos,
ladrões inocentados,
todos sob a mira,
a mira da morte,
a morte no corte
dos dentes vorazes!

o terror habita
as mentes humanas,
as boiadas insanas,
todos alienados,
que o mal se repita!
estejam todos ferrados!
tolos e criticos,
canalhas armados!
e na calçada se vira,
o fraco e o forte,
ambos sem sorte,
sob as garras mordazes!

nas ruas incautos,
das cidades imundas,
se arrastam em asfaltos,
agora sujos de sangue...

crocodilos de esgoto,
uma praga assassina,
farão a chacina
por cada quarteirão!




Letra recém escrita por mim, de uma musica que eu compus, espero que tenham entendido o sentido desta além do tema, a ideia dela... De que nada valem ou significam as hierarquias sociais e as classes sejam do que for, é tudo a mesma merda de carne frágil quando se deparam com uma força maior do que qualquer padrão estabelecido por elas mesmas... que quando a merda é maior... todos viram a mesma massa de miséria humana, diante à inconsequência... pois bem... a palavra "Crocodillo" foi escrita com dois "l's" propositalmente... que se fodam as regras... assim como jamais começo uma sentença com maiúscula justamente por esse motivo... desrespeitar a regra... e também porque não tenho saco pra isso,
enfim, espero que alguns comentem, quem curtiu... \,,/


Um comentário:

  1. Bom, não posso deixar de ser repetitiva: E Santiago Salinas no "front"!rs. As pessoas deviam se dar conta do quão perecível e efêmera é nossa existência! No fim das contas, somos todos carne à mercê dos "grandes crocodilos", e quando vierem, corram senhores, não há livro sagrado, mandinga ou sangue azul que os salve! #ficaDica.

    ResponderExcluir