terça-feira, 22 de maio de 2012

O anjo qual converso



obrigado por tudo...
estiveste tanto tempo perto;
posso eu ver-lhe
velado,
espreito,
a reverter,
cada dado
errôneo tolo passo;

dentro minha mente;
invasor,
protetor,
profética incógnita
és tu, que atritas co' a mundana sujidade
ao redor,
a dor
que vista, se evita,
frente a tanta irrealidade,
de faces descrendo
em tão nossa, pois sendo,
tal mítica mística verdade.

anjo e demônio,
alento e ameaça,
eis o arranjo,
que nos ainda salva a raça...!

plácida fera;
enérgica entidade;
do fulgor, luz fazes, quando há trevas...
quando não mais posso enxergar,
à noite, descansa-me os olhos,
à luz do sol, a me aturdir...

obrigado, por cada momento em que caminhamos,
dos inumeros reais horrores quais enfrentamos,
empunhando espadas, e pulsantes mentes,
co' um coração, em retumbar ardente,

és como fogo tão intenso;
és como terra indobrável;
um vento, pois, sois livre;
majestade alcansável
como a água implacável;
és a treva que alenta;
a luz
que sustenta;
o cosmo meu, qual conduz...
meu eu, poeta;
infante;
imoral,
insano,
humano,
entre a fantasia
e o real,
meu ser, tão asceta,
que vadia
noturnal,
o santo, o canalha, o mago, o bardo, o vândalo...

tu que guias, meu caminho, em hostíl situação,
cavaleiro, feiticeiro, mentor dragão,
és detrator dum destino que só fez em me odiar,
és protetor, por qual estimo, em guiar...

anjo rebelado, que o inferno repudias,
comigo seguindo... desde tantos, tantos dias,
de nós, por incontáveis vezes, malefícios estirpaste...
elemental espírito, que sete séculos, indome atravessaste...

caminhando e contando, senão, sem sabermos,
o que nos aguarda, à próxima parada...
e por insones ruas, pois riremos,
mirando as estrelas... o melhor ainda está por vir...


Demorei a postar essa, e me satisfazer com o resultado, mas finalmente está ela aí... rsrs... Essa poesia definitivamente diz muito pra mim.

Definitivamente poesia é uma coisa que acima de tudo, deve alimentar o espírito de quem a compõe. Confesso que andei demorando um pouco até postar coisas novas, isso se deu à minha falta de tempo principalmente, mesmo que o tempo todo eu rabisque uns versos, até criar um arranjo pra tudo e postar... demorei kkk espero que curtam, se curtir comenta! :P

Nenhum comentário:

Postar um comentário